Qual a essência da Quaresma? Qual a simbologia do tempo quaresmal?

postado em: Publicações | 0

Querida Família Piedade, estamos vivenciando o tempo da Quaresma, tempo de preparação intensa, profunda e especial para bem Celebrar a Páscoa do Senhor, fundamento maior da fé cristã.
Na Liturgia cristã, a Quaresma é caracterizada pela cor roxa, que nos indica ser este um tempo mais penitencial, em que Deus nos chama, nos convida a uma conversão de vida, mais profunda, a conversão do nosso coração para sermos uma pessoa melhor, um ser humano melhor a cada dia e tornar o nosso mundo, um mundo melhor pra se viver, com dignidade para todos: um bem comum.
Este também é um tempo de maior recolhimento, em que Deus nos convida a uma maior comunhão, íntima com Ele próprio, através da oração, da fé e da espiritualidade. Tempo de silenciar mais o nosso coração e escutar a voz de Deus.
O próprio Monsenhor Domingos já dizia: “o silêncio é o caminho mais curto para o céu”.
Na Quaresma nós recordamos e celebramos os 40 dias que Jesus passou no deserto, em meio às provações. O deserto, no sentido bíblico e teológico significa provações, dificuldades, desafios, adversidades da vida.
Nós também experimentamos os desertos ao longo da caminhada na vida, tanto a nível pessoal, quanto coletivo também, como agora no cenário de pandemia em que nós estamos vivendo, tão desafiante para toda a humanidade. Mas, a nossa fé, a nossa esperança cristã nos ensina que Deus-Cristo, venceu o mal e toda espécie de provação e nós também venceremos com Ele.
É na Quaresma que é lançada a Campanha da Fraternidade, neste período quaresmal e neste ano ela é ecumênica, convidando de maneira tão especial, os cristãos, a estarem mais unidos e sempre abertos ao diálogo, para a construção de uma cultura da paz, mostrando-nos que o Diálogo e a Fraternidade são os grandes caminhos por uma cultura da paz, como o grande gesto de amor fraterno entre nós.
A Campanha da fraternidade quer ser assim, um instrumento de conversão e ela sinaliza para nós, este ano, que o diálogo é o nosso melhor testemunho na própria vida, por um mundo melhor e um mundo de bem para todos.
Então, que nesta Quaresma nós possamos colher os frutos espirituais e que sejam permanentes em nós. Que o próprio Deus, continue nos sustentando nesta caminhada Quaresmal e ao longo de toda a nossa vida.

Abençoada Quaresma para todos nós!!!

Marcelo Batista

Professor de Educação Religiosa e Ética

Colégio Nossa Senhora da Piedade.