Arrai-LIVE do Piedade está agendado!

postado em: Publicações | 0

Que nossa ARTE e nossa FÉ sejam nosso respiro e nossa força para enfrentarmos os desafios diários! Com fé e esperança, seguimos, juntos, celebrando os Santos Juninos e a cultura de nosso país. Viva Santo Antônio! Viva São João! Viva São Pedro!

Criamos uma versão online de um dos eventos mais queridos de nosso Colégio. Nosso arraial transformou-se no ArraiLIVE, uma transmissão ao vivo, simultaneamente, em nosso Facebook e em nosso Youtube!

Atenção, estudantes e famílias: procurem suas coordenações, por meio do CLASSAPP, para saber como participar! Lembrando que as imagens enviadas para participação no ArraiLIVE poderão ser compartilhadas publicamente em nosso site e nossas redes sociais.
Nesse ano, nosso encontro da cultura, da fé e do folclore popular brasileiro será online com diversas atrações envolvendo educadores, estudantes e familiares da Educação Infantil ao Ensino Médio. Receitas típicas, danças, músicas e curiosidades em um evento consciente e beneficente.

Durante a transmissão, estaremos arrecadando doações voluntárias para o Lar Augusto Silva, que atende idosos na cidade de Lavras/MG. A instituição filantrópica é uma referência na cidade e acolheu Irmã Benigna Víctima de Jesus, religiosa da Congregação das Irmãs Auxiliares, cuja vida e obra encontram-se, atualmente, no Vaticano em processo de beatificação.
Para assistir ao nosso ArraiLIVE é muito fácil: basta acessar nossa página no Facebook ou nosso canal no Youtube no dia e horário agendados abaixo e pronto, estaremos lá! Você pode assistir pelo celular, pelo computador, pelo tablet ou até mesmo pela sua smart TV. O importante é estarmos juntos, unidos nesta celebração de arte e de fé.

ArraiLIVE DO PIEDADE
• Quando? Sábado, 04/07, às 12h
• Onde? No nosso Facebook e no nosso Youtube (assista onde preferir)
• Como? Cada um na sua casa, mas todos juntos!

Link YOUTUBE para assistir ao ArraiLIVE do Colégio Piedade

Link FACEBOOK para assistir ao ArraiLIVE do Colégio Piedade

Arrai-live do Colégio Piedade

Que nossa ARTE e nossa FÉ sejam nosso respiro e nossa força para enfrentarmos os desafios diários! Com fé e esperança, seguimos, juntos, celebrando os Santos Juninos e a cultura de nosso país. Viva Santo Antônio! Viva São João! Viva São Pedro!Criamos uma versão online de um dos eventos mais queridos de nosso Colégio. Nosso arraial transformou-se no ArraiLIVE, uma transmissão ao vivo, simultaneamente, em nosso Facebook e em nosso Youtube!Atenção, estudantes e famílias: procurem suas coordenações, por meio do CLASSAPP, para saber como participar! Lembrando que as imagens enviadas para participação no ArraiLIVE poderão ser compartilhadas publicamente em nosso site e nossas redes sociais.Nesse ano, nosso encontro da cultura, da fé e do folclore popular brasileiro será online com diversas atrações envolvendo educadores, estudantes e familiares da Educação Infantil ao Ensino Médio. Receitas típicas, danças, músicas e curiosidades em um evento consciente e beneficente.Durante a transmissão, estaremos arrecadando doações voluntárias para o Lar Augusto Silva, que atende idosos na cidade de Lavras/MG. A instituição filantrópica é uma referência na cidade e acolheu Irmã Benigna Víctima de Jesus, religiosa da Congregação das Irmãs Auxiliares, cuja vida e obra encontram-se, atualmente, no Vaticano em processo de beatificação.Para assistir ao nosso ArraiLIVE é muito fácil: basta acessar nossa página no Facebook ou nosso canal no Youtube no dia e horário agendados abaixo e pronto, estaremos lá! Você pode assistir pelo celular, pelo computador, pelo tablet ou até mesmo pela sua smart TV. O importante é estarmos juntos, unidos nesta celebração de arte e de fé.ArraiLIVE DO PIEDADE• Quando? Sábado, 04/07, às 12h• Onde? No nosso Facebook e no nosso Youtube (assista onde preferir)• Como? Cada um na sua casa, mas todos juntos!

Posted by Colégio Nossa Senhora da Piedade Congonhas MG on Sunday, June 28, 2020

Como organizar a rotina familiar com crianças pequenas durante o período remoto

postado em: Publicações | 0

 A noite do dia 16 de junho oportunizou um momento ímpar aos pais de alunos da Educação Infantil, que tiveram a oportunidade de participar de um bate-papo com Mirelle França Michalick Triginelli, Doutora em Psicologia do Desenvolvimento, Professora da PUC/MG e Mãe, um detalhe que vale ser mencionado, uma vez que por si, já cria um vínculo afetivo e transforma o encontro em um momento carregado de embasamento científico, mas também de muita troca de experiência. E foi o que os “presentes” puderam perceber, pois durante toda e a cada fala, foi possível perceber a propriedade com que Mirelle compartilhava suas ideias, opiniões e experiências, o que acabou oportunizando a todos importantes reflexões e também caminhos para ajudá-los a organizar a rotina familiar com crianças pequenas durante o período de ensino remoto, conciliando quatro vertentes: atividades domésticas, atividades de trabalhos dos pais (home office); atividades das crianças (home schooling) e o cuidado com os filhos (lazer).

Mirelle começou falando sobre o momento de grande imprevisibildade que estamos vivenciando, em que, de repente todos perderam suas redes de apoio e se  viram em casa, tendo que conciliar diferentes atribuições e que, mais do que nunca, exigem uma organização e porque não dizer, uma (re)organização da rotina familiar.

Destacou a importância das famílias serem responsivas, ou seja, ainda que tudo esteja atrelado, enquanto adultos, é preciso dar respostas às crianças que de uma hora para outra perderam suas marcações e leituras de tempo.

Convidando os pais a pensar e ver pelo “olhar das crianças”, é possível perceber o quanto elas perderam certas referências e marcas. Sim, porque se os dias da semana para as crianças eram os dias em que elas iam para as escolas e os pais saíam para trabalhar e os finais de semana eram os dias em que todos estavam em casa, que podiam assistir televisão até um pouquinho mais tarde e que também os pais acordavam mais tarde pois não tinham o compromisso de escola e de trabalho; como está as cabecinhas destas crianças? Uma sensibilidade que, enquanto adultos, Mirelle levou os pais a refletir.

Envoltos no turbilhão de sensações, tentando conciliar as diferentes situações dentro do mesmo espaço-casa, os adultos muitas vezes não se dão conta de que, para as crianças este momento também é muito difícil e ela precisa de respostas e de atenção, bem como de limites, do estabelecimento de uma rotina diária que contemple a conciliação das quatro e distintas realidades. E aí Mirelle focou acerca da importância dos combinados, dos limites, dos códigos que precisam ser estabelecidos dentro deste dado espaço, para que a qualidade das relações não se perca. Neste ponto, chamou a atenção dos pais para o fato de que, enquanto adultos, é necessário que analisem algumas situações com a lente, com o olhar da criança.

Para tanto, é necessário estruturar uma rotina, uma “previsibilidade” com a criança e não para a criança. Isto oportunizará uma maior possibilidade da criança entender o processo e também a dimensão da vivência coletiva, compartilha Mirelle, uma vez que a criança precisa entender que ainda que todos estejam em casa, não é o período de férias. Estão todos em casa, mas os compromissos dos pais e os delas continuam e que é preciso estabelecer combinados que precisam ser respeitados e praticados. Assim sendo, em alguns momentos ela terá uma maior atenção do pai, quando a mãe estiver comprometida com uma tarefa do trabalho e vice-versa, o papai também terá momentos em que não poderá desprender toda a sua atenção para ela.

Outro ponto importante é que a criança também pode e deve colaborar para a organização do espaço, o que poderá ser ainda bem didático para ela, como a separação das roupas que estão na lavanderia por cores. ajudar a montar a mesa para as refeições, bem como separar e guardar os talheres, uma infinidade de atividades que ajudarão as crianças a saírem um pouco das telas, a terem uma ocupação/ganho que acarretará importantes benefícios a todos, como redução do stress tanto da criança, quanto dos adultos em questão.

Prosseguindo e focando o terceiro item do bate-papo, Mirelle destacou a importância da Educação Infantil para a criança que, desde o momento em que ela pisa na escola, é estimulada e que a idade da pré-escola, é o momento em que a criança é uma verdadeira esponja e está em seu nível master. As relações que ela estabelece com as professoras, com os colegas de sala de aula, as experiências, trabalhinhos e aprendizados a ajudam a entender, aprender e estabelecer importantes vínculos afetivos que exprimem na verdade, a meta da Educação Infantil que é exatamente o de oportunizar o desenvolvimento integral da criança, nos aspectos físico, psicológico, intelectual e social. Assim sendo, é importante que o adulto também valorize o compromisso da criança e que a estimule a fazer da melhor forma possível, suas atividades escolares.

E o lazer? Quarto eixo da palestra, Mirelle compartilhou com os pais que muitas vezes há um equívoco em relação ao lazer que não necessariamente está ligado a brincadeiras. O lazer passa por um momento em que os pais compartilham experiências com os filhos, contando suas brincadeiras prediletas quando tinham a mesma idade que eles, momento de demonstrar aos filhos os próprios prazeres, o que gostavam quando tinham a mesma idade, por exemplo.

Neste tempo em que vivemos uma experiência totalmente nova para todos, é preciso exercitar a flexibilidade e perceber o que é excesso/excessivo em nossa vida. Mirella convidou os pais a pensarem que tipos de excessos devem ser deixados de lado, no intuito de se oportunizarem minutos de lazer. E destaca ainda o quão importante é enquanto pais, permitir aos filhos perceber a humanidade dos pais, que passa pelo fato de que os pais também se cansam, também se entristecem e que não dão conta de tudo. Curiosamente, quando a criança percebe isto, ela passa a entender melhor seus próprios sentimentos e a como lidar melhor com estes sentimentos.

Fechando o momento, Mirelle deixou que os pais se posicionassem e o momento foi igualmente rico e importante, pois permitiu aos pais compartilhar suas angústias, como Chris Caixeta, mãe do João Pedro, que compartilhou “o quão difícil está sendo conciliar a rotina com as tarefas, mas que aos poucos estão conseguindo se ajustar”.

Mariana Priscilla, mãe da Marina, agradeceu a palestrante pelo fato de que ela “ter conseguido nomear bem as dificuldades por que todos estão passando e que o momento deu uma luz para todos”.

Christiane, mãe do aluno Matheus, relatou a angústia dos filhos agora que ela retornou ao trabalho depois de ter ficado dois meses em casa.  A que Mirelle destacou a importância da atenção ao retornar para casa, quando poderão compartilhar atividades para compensar os momentos de separação.

Franciane, mãe do aluno Heitor destacou “a dificuldade de trabalhar as atividades com os filhos depois do horário de trabalho”, a que Mirella destacou a importância do ganho da autonomia nas atividades escolares. De que os pais devem permitir que as crianças façam algumas atividades sozinhas, enquanto estão fora trabalhando.

A questão da pirraça também foi abordada, por Ellen, mãe da aluna Yasmin, uma vez que as crianças estão com o humor alterado, privadas de saírem e experienciarem coisas diferentes, a que Mirelle pontuou “a importância do adulto manter a calma e de mostrar para a criança que, se ela não falar ou fazer a mamãe ou o papai entender o que a está incomodando, que a pirraça não a ajudará, que é preciso que ela explique por que está agindo daquela forma, para que possa ter a ajuda dos adultos”.

Tivemos outras ricas participações e diante das colocações dos pais, Mirelle fechou a palestra confidenciando aos presentes de que muitas das angústias compartilhadas podem ser minimizadas com atitudes simples: “É preciso apresentar às crianças objetos não estruturados, no intuito de levá-las a perceber que existem outras alternativas. Ter uma caixa em casa com objetos que estimule a criança a desenvolver seu potencial criativo é uma boa opção tanto para tirar as crianças da frente das telas, quanto para reduzir o nível de stress”. E o que seriam objetos não estruturados? Revistas, pedaços de objetos que podem virar outra coisa, permitindo que a criança use sua criatividade para criar outra(s) coisa(s) a partir do que ela tem na caixa, estimulando assim, seu potencial criativo que é muito grande.

Depois desta fala, agradecendo aos presentes, às professoras, as Irmãs da comunidade, a Ir. Luzia, diretora Colégio São José de Divinópolis e também à palestrante Mirelle França, Ir. Ribamar – diretora do Colégio Piedade, refletindo um pouco mais acerca de tudo o que estamos passando e finalizou sua fala compartilhando a seguinte reflexão: “Não podemos voltar ao normal, porque o normal era exatamente o problema. Precisamos voltar melhores. Menos egoístas. Mais solidários. Mais humanos, fraternos, respeitosos e sermos de fatos irmãos.

Reiterando os agradecimentos, a Coordenadora da Educação Infantil, Andréa Monteiro reforçou a importância da parceria das famílias, de que toda a equipe tem se desdobrado para oferecer o melhor, se ajustando à nova dinâmica, e que juntos “venceremos da melhor forma possível, o momento que estamos vivendo”.

 

 

Avaliação e Ética – Rede Piedade de Educação

postado em: Publicações | 0

Certa vez, perguntaram qual o valor do ser humano ao grande matemático árabe Al-Khawarizmi e ele respondeu: Se tiver ética, então ele vale 1. Se também for inteligente, acrescente 0 e então, ele valerá 10. Se também for rico, acrescente outro 0 ele será 100. Se também for belo, acrescente outro 0 e será 1000. Mas, se perder o 1, que corresponde à ética, perderá todo o seu valor pois, só restarão os zeros.

Eis que é chegado mais um novo momento para passarmos de mãos dadas. A distância sim, mas juntos: de mãos dadas.

As avaliações. Mais do que nunca, são momentos que vão muito além do ato de aferir conhecimento, vão, principalmente, proporcionar continuidade autônoma do processo de aprendizagem.

Está aí uma palavra que cabe muito neste momento: autonomia. Como dizia nosso fundador, Monsenhor Domingos, “Vigiai sobre vós mesmos”. É momento de refletirmos sobre a auto vigilância, sobre a ética! O matemático árabe explicou muito bem o valor da ética, sem ela, tudo perde valor.

Além da ética, outras duas reflexões necessárias neste momento são:

1. Para que serve a avaliação?

2. Qual o papel da família no processo avaliativo?

Tendo consciência sobre estes dois aspectos, torna-se mais claro o processo avaliativo. Avaliação não existe apenas para medir conhecimento. Se assim fosse, se chamaria “conhecimômetro”. Avaliação está muito mais para uma bússola do processo de aprendizagem do que para um termômetro de conhecimento. Uma bússola que irá indicar para onde devem seguir os personagens desta estrada: estudantes e professores!

E o papel da família no atual contexto? É o de apoio e orientação emocional para este momento. Definir o local onde será feita a avaliação e proporcionar tranquilidade e acompanhamento do que for necessário, faz parte do apoio emocional nesta importante etapa da aprendizagem.

Sigamos juntos e fortes rumo ao sucesso de seus filhos, de nossos estudantes. Estamos com você e com a certeza de que chegaremos ao final deste período ainda mais juntos e ainda mais fortes!

Contem conosco.

Rede Piedade de Educação.

 

Texto e Locução: José Alessandro

Produção: Zele Comunicação

Supervisão: Madre Teresa Cristina Leite

 

Vem aí o 3º Simulado SAS ENEM e agora com novidades!

postado em: Publicações | 0

É isto mesmo! O 3º Simulado SAS ENEM não será feito apenas pelos futuros calouros da 3ª série do Ensino Médio! Alunos trainees da 1ª e 2ª série do Ensino Médio também irão participar!

Dando continuidade à preparação de seus estudantes para os exames de acesso às universidades, O Colégio Piedade informa as datas de aplicação de dois novos simulados. No dia 31/05, o simulado abordará conhecimentos das áreas de Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias, bem como de Ciências Humanas e Suas Tecnologias e de Redação. No primeiro domingo de aplicação, será necessário ainda escolher o idioma de preferência para desenvolver as questões proposta de Língua Estrangeira. No segundo domingo de aplicação, dia 07/06, serão testados os conhecimentos de Ciências da Natureza e Suas Tecnologias e Matemáticas e Suas Tecnologias. A aplicação será totalmente online, através da plataforma SAS – www.sas.com.br – em que as provas estarão disponíveis das 7h às 18h. Mas, atenção! O prazo máximo para a realização da avaliação, contando com o preenchimento do Cartão de Respostas é de 5 horas, a contar do momento em que o aluno clica em INICIAR PROVA, portanto, escolha bem o horário e procure um ambiente calmo e sem interferência, para que sua atenção e seu desempenho não sejam comprometidos. Como o horário da avaliação se encerra às 18h, para contar com as 5h corridas disponíveis de prova, inicie seu teste no máximo até as 13 h.

IMPORTANTE: O exame não poderá, em hipótese alguma, ser realizado em datas e horários diferentes dos supracitados. Caso isso ocorra, o aluno estará automaticamente eliminado e ficará de fora dos resultados e da pontuação estipulada para a atividade.

Todos os alunos da 1ª, 2ª e 3ª séries do Piedade Vest devem participar da atividade, dadas as muitas vantagens que ela oferece, uma vez que oportuniza aos participantes conhecer o estilo da prova e a partir do relatório que será disponibilizado ao final, entender os pontos que precisam de mais atenção, além de se preparar física e emocionalmente, à medida que se familiarizam com o estilo da prova, o número de questões, o dia e o horário de aplicação, dando assim, mais conforto e segurança no momento em que, efetivamente, farão o ENEM.

Através do nosso canal de comunicação disponibilizaremos mais informações acerca dos procedimentos que deverão ser seguidos e respeitados no momento da realização da avaliação. BOA PROVA!

LANÇAMENTO: Jornal Pietá

postado em: Publicações | 0

Orgulho e alegria: sentimentos que serão compartilhados não somente pela Direção e Equipe de profissionais do Colégio Piedade, mas por todos que terão a oportunidade de receber o exemplar online do Jornal Pietá. Um jornal totalmente produzido, elaborado e idealizado pelos alunos desta Instituição de Ensino e que logo no início se mostra a que veio, como uma forma de dar voz e transcender, exprimindo todo o orgulho pelos aprendizados e valores incutidos e absorvidos durante a trajetória como alunos do Colégio Piedade!

Idealizado desde 2018, o Jornal Pietá propõe um verdadeiro resgate, uma vez que foi inspirado por um jornal impresso da época em que teve início os trabalhos desta Instituição nas terras congonhenses.

Nesta edição, o Jornal Pietá apresenta diferentes matérias, relatos de professores, alunos e ex-alunos, exprimindo todo o Jeito Piedade de Ser.

Dicas de filmes, livros e séries não poderiam faltar e as sugestões estão dignas de “tirar o chapéu”, ou seria melhor dizer: perfeitas para uma pipoca com guaraná? Em se tratando das sugestões de livros, nota 10 para a seleção! Vale a pena conferir!

Como que resgatando laços, ex-alunos dão seus depoimentos acerca de suas escolhas acadêmicas e relatam ainda a importância do Colégio Piedade em suas vidas…

Dicas extras, conselhos aos pais, COVID 19: cuidados e sintomas, ENEM 2020 são alguns dos temas abordados nesta mostra que já tem no forno uma segunda edição, ansiosa por chegar aos lares de toda a Família Piedade!

Toda a Equipe do Colégio Nossa Senhora da Piedade parabeniza os alunos envolvidos e particularmente às alunas Camila Leão Sabará (3º EM) e Letícia Vieira Fernandes Cruz (8º E.F), redatoras do Pietá, aproveitando para felicitá-las pela qualidade e riqueza das matérias e, na oportunidade, informam que já estão ansiosos pela próxima edição que, seguramente reforçará ainda mais o orgulho ao verem as sementes germinando e o conhecimento seguindo seu curso…

Parabéns!!!

                                Clique aqui:⇓

 

 

 

Dia Mundial da Educação – Homenagem às professoras e professores

postado em: Publicações | 0

Dia Mundial da Educação – Nossa homenagem às professoras e professores

Há 20 anos, representantes de 164 países reuniram-se e firmaram um compromisso pelo desenvolvimento da educação e este dia, 28 de abril, ficou instituído como o Dia Mundial da Educação.
Hoje, queremos celebrar este dia dando rosto a ele. O rosto que os estudantes estão sentindo tanta falta de ver de pertinho… Professores! Desde o início do período do distanciamento social, professores e professoras vêm empenhando-se em dar continuidade ao seu fazer: ensinar.
E assim, professores redescobriram-se alunos, aprendendo novas ferramentas para conseguir chegar até seus pupilos. Acertaram, erraram, retentaram, experimentaram e seguiram adiante, afinal, parar de ensinar jamais está nos planos de quem escolheu o ensino como sua missão de vida.
Professores redescobriram suas forças, suas resiliências e suas criatividades produzindo aulas, atividades diversificadas, desafios e encontros virtuais que vêm movimentando nossos estudantes diariamente.
Live, chat, download
Meeting, prezi, upload
Videoaula, Pdf, png, zoom
Audioaula, jpeg, mp3, loom
google meet e classroom
Podcast, mp4, classapp
Instagram, facebook, whatsapp
Assim como a rima guia de forma lúdica nosso texto, nossos professores guiam o seu fazer com imensa maestria.
Contam, como sempre contaram, com o apoio das famílias e dos próprios estudantes empenhando-se na organização e concentração de cada dia.
E neste momento ímpar, que futuramente ocupará páginas nos livros de História, que nossos professores estejam nelas como desbravadores incansáveis e vitoriosos. Profissionais que se reinventaram, que se dedicaram e fizeram o tempo da educação não parar.
Feliz Dia Mundial da Educação para todos, mas de um modo muito especial, para você, professora, professor, que fez a Rede Piedade de Educação não parar!

Mensagem de Páscoa de Ir. Ribamar às Famílias

postado em: Publicações | 0

 

Queridos Pais, Alunos, professores, funcionários, amigos e a todos que fazem parte da Família Piedade.

Que a alegria da Ressurreição de Cristo renove nossos corações para que sejamos pessoas melhores, para que possamos realmente semear a Paz, a união e o amor incondicional a nossos irmãos…

Desejamos que vocês tenham uma Feliz e Abençoada Páscoa e queremos dizer que estamos com muitas saudades e que vocês alegram nossas manhãs e nossas tardes.

Forte abraço em nome de todas as Irmãs do Colégio Nossa Senhora a Piedade de Congonhas – Minas Gerais.

Fiquem com Deus e em casa…

Mensagem de Páscoa de Pe. Eduardo Bastos à Família Piedade

postado em: Publicações | 0

“Nossos queridos alunos do Colégio Piedade de Congonhas, queridos pais, todos vocês que fazem parte desta nossa Família do Colégio Piedade, meu abraço fraterno… Feliz e Santa Páscoa! Acabei de Celebrar aqui, com as Irmãs, aqui todas as Irmãs do nosso Colégio Piedade de Congonhas e com toda a Igreja nós cantamos este é o dia que o Senhor fez para nós.

Alegremo-nos e Nele exultemos! Por isso chego até vocês para desejar em nome de todas as nossas Irmãs, de todo o Colégio Piedade: uma Feliz e Santa Páscoa!

Nós Celebramos a vitória do Cristo. O Cristo venceu a morte. O Cristo venceu a dor. O Cristo com muito amor Ressuscitou e por isso, Páscoa é a vinda de Deus na nossa vida. Portanto assim, que vocês na vivência em família, que vocês possam Celebrar a festa da Vida com o Ressuscitado. Celebrem a Páscoa!

Páscoa é Perdão… Páscoa é Partilha… Páscoa é Fraternidade… Páscoa é dedicação… Páscoa é ajuda. Páscoa é paciência… por isso, celebre a vida em Família. Celebrem a beleza do Cristo Ressuscitado nesta experiência pascal. Que todos nós com toda a Igreja, com todas as pessoas que nós amamos, que nós tenhamos uma Santa e Feliz Páscoa.

Que nós sejamos homens e mulheres, portadores da esperança. E Páscoa também significa passagem, mudança, transformação. Nós que estamos aí, vocês, nossos alunos, vocês queridos pais, todos nós que estamos aí experimentando momentos difíceis, que tenhamos a esperança na Páscoa do Senhor. Tudo passa! Certamente, esse momento difícil, que nós estamos experimentando daqui a pouco passará. E nós estaremos todos juntos, vivenciando e celebrando a Festa da Vida aqui no nosso Colégio, aqui no Colégio Piedade. Todos nós estaremos Celebrando a Festa da Vida, na pertença e na presença do Cristo – o ressuscitado!

Por isso, sobre vocês nossos alunos, vocês queridos pais, sobre as nossas famílias, que desça sobre vocês, sobre todos nós, por Intercessão da Virgem Maria, Nossa Senhora da Piedade e de São José, Monsenhor Domingos, Irmã Benigna, que desça sobre todos vocês e permaneça para sempre a Bênção de Deus Todo Poderoso rico em bondade e misericórdia. Pai, Filho e Espírito Santo, Amém!

Uma Santa e Feliz Páscoa!

Mensagem de Padre Eduardo Bastos.

12 de abril de 2020.

 

 

Um caminho para o sucesso no ensino autônomo

postado em: Publicações | 0

Aulas e atividades escolares em casa passaram a ser uma realidade para estudantes de muitos países durante o período de distanciamento social. A Rede Piedade de Educação disponibilizou vídeo e ebook com dicas valiosas da psicopedagoga Isabela Toledo, que orientam o caminho para o sucesso do ensino autônomo e, assim, manter em dia a aprendizagem.

Confira as orientações:

Um caminho para o sucesso no ensino autônomo

1. Estabeleça uma rotina. É importante estudar diariamente, por um tempo estabelecido, todos os dias na mesma hora.
2. Estude num lugar adequado. Não vale na cama, no chão, no sofá. Os estudos devem ser feitos numa escrivaninha ou mesmo na mesa de jantar, desde que esteja limpa e organizada apenas para essa finalidade.
3. Desligue o celular. Isso vale também para a televisão. É importante estar bem concentrado para ter o rendimento esperado.
4. Ao final de cada período de estudo, faça resumos. Essa prática sistematiza as ideias, cria mapas mentais e ajuda a memorização. Não precisam ser extensos, mas devem mencionar o essencial dos conteúdos.
5. Não esqueça o lazer. Durante as horas dedicadas ao estudo são permitidas apenas pequenas pausas, mas depois da missão cumprida é de grande importância para a saúde mental manter-se ativo. Vale jogos, filmes músicas, séries e até bater uma bolinha.
6. Dica extra! No vídeo, Isabela oferece uma orientação extra que fará diferença na fixação do conteúdo da aula… assiste lá!

Este e outros vídeos e ebooks fazem parte de uma série que a Rede Piedade de Educação está disponibilizando, com conteúdos cuidadosamente elaborados por seus profissionais de educação para esclarecer famílias acerca de questões que surgem a partir dessa realidade inédita. Os temas vão desde orientações para o melhor rendimento acadêmico, treinamento de professores e até o alívio das tensões geradas neste momento singular.

 

Clique no link e assista ao vídeo.

 

Cartilha para Pais e Responsáveis – SINEP/MG

postado em: Publicações | 0

 

“Vivemos um tempo de caos social. Todos nós, sem exceção, necessitamos de orientações.

A COVID-19 impõe um reposicionamento do ser humano em todas as áreas da sua vida e em seus relacionamentos pessoais e profissionais.

Pensando em uma analogia para esse momento, quando alguém está perdido em termos de localização espacial, os principais e mais conhecidos instrumentos de orientação são a rosa dos ventos, a bússola e, mais recentemente, o GPS.

Destacamos nessa lista a “rosa dos ventos” por ser um instrumento extremamente importante que aponta e divide os diferentes pontos de orientação
cartográfica, conhecidos como Pontos Cardeais: Norte, Sul, Leste e Oeste.

O SINEPMG possui como objetivo oferecer apoio e orientação, por isso elaborou para vocês, PAIS e RESPONSÁVEIS, 4 pontos cardeais que apontam direções significativas para a família enfrentar e superar esse momento complexo”.

Texto extraído da própria cartilha do SINEP/MG.

 

 

1 2 3 4 108