Corpo e mente em harmonia

postado em: Publicações | 0

Corpo e mente precisam estar em harmonia para que consigam realizar com mais assertividade e com maior êxito, as tarefas que lhe são confiadas a realizar. Pensando nisto e também devido a proximidade do tão esperado ENEM – Exame Nacional do Ensino Médio, em que os alunos já começam a demonstrar sinais de cansaço e também um pouco de stress diante da expectativa do que está por vir, que a direção do Colégio Nossa Senhora da Piedade decidiu dobrar a atenção e apoio a seus pré-universitários.

Como os alunos já tem acesso ao apoio psicológico para enfrentar de cabeça erguida este momento tão decisivo, a turma deste ano passa a contar com um outro importante suporte que permitirá que não somente o lado emocional esteja bem estruturado, mas também o lado físico esteja leve e solto, ou seja que corpo e mente estejam aptos para vencer não somente a reta final de conclusão do Ensino Médio, bem como o ENEM e as demais avaliações que os alunos se propuserem a realizar em prol do ingresso ao Ensino Superior com o curso que escolheram para se profissionalizar e se tornarem os bem-sucedidos adultos de amanhã.

Nesse sentido, agora os alunos passam a contar com sessões de massoterapia, de quiropraxia e de meditação, que muito os ajudarão a manter o controle e o equilíbrio necessários nesta reta final que abrirá as portas de uma nova fase de suas vidas.

 

 

    Uma escola da 

 

Intensificando saberes: abstraindo novos conceitos

postado em: Publicações | 0

Diariamente uma gama de conhecimentos são apresentados e apreendidos pelos alunos que vão abstraindo novos conceitos e intensificando saberes. Nessa mostra os alunos dos primeiros anos do Ensino Fundamental I, acompanhados por Irmã Ribamar e pelo professor José Leonardo – o anfitrião que abriu as portas de seu sítio – para que as pedagogas Gislana e Mara, oportunizassem a seus alunos uma exploração completa e direcionada observando a diversidade dos animais silvestres, bem como a horta e os jardins, aproveitaram para relacionar e distinguir animais domésticos de animais selvagens.

Para enriquecer ainda mais a abordagem, os alunos tiveram a oportunidade de ver o espaço em que havia uma lagoa e que, infelizmente, acabou secando devido à falta de água. Esta informação possibilitou outras discussões e uma rica conscientização acerca da ação do homem na natureza e no Planeta e sobre o futuro das espécies.

Diversos conteúdos estudados na disciplina de Ciências foram muito bem assimilados durante a visita que possibilitou ainda que outras temáticas fossem discutidas com os alunos, como o resgate de algumas brincadeiras e também a reciclagem, uma vez que durante a visita, os alunos tiveram a oportunidade de brincar em brinquedos reciclados, confeccionados no próprio sítio por Rinaldo, irmão do professor José Leonardo e, claro aproveitaram também para brincar com os colegas de escalar, correr, subir em barrancos e se soltar envoltos pela natureza e uma agradável brisa. Como culminância das atividades e para recarregar as energias, lancharam ao som dos pássaros, ávidos por retornarem para os brinquedos e brincadeiras.

 

 

    Uma escola da 

 

 

 

 

Bio na prática

postado em: Publicações | 0

Nada como a oportunidade de consolidar e confrontar os conhecimentos adquiridos em sala de aula com a prática no Laboratório de Ciências. Nessa mostra, com o objetivo de conhecer e entender não somente o funcionamento, bem como a importância do coração, os alunos da primeira série do Ensino Médio, orientados pelo professor Alysson Eduardo, realizaram a dissecação do coração de um boi que, assim como o coração de um porco, permite a visualização de diversas estruturas presentes no coração humano.

Formado por fibras estriadas transversais e tecido conjuntivo rico em vasos, o coração é um órgão muscular oco, de forma cônica e seu tamanho, no caso da espécie humana, é similar ao de um punho fechado.

Considerado desde entre os mais antigos, como a peça mais importante de nosso corpo, o centro da vida, o coração foi retratado inclusive, em pinturas rupestres. Conhecer mais sobre este órgão e suas reentrâncias foi a proposta da aula prática, numa oportunidade de promover uma transcendência do conhecimento empírico, para o conhecimento científico.

 

 

    Uma escola da 

Brigadistas em prol de seu maior tesouro

postado em: Publicações | 0

Zelando ainda mais pelo bem estar e segurança dos alunos, equipe do Colégio Nossa Senhora da Piedade passa por curso de Prevenção e Combate a incidentes e acidentes de acordo com as especificações da NBR 14276 e NR 23, ministrado pela A&D VIP Engenharia de Segurança, através do bombeiro civil Flávio Francisco, indo de encontro às exigência da Lei Estadual nº 14.130/2001 e Decreto Estadual nº 46.595/2014, de que toda edificação destinada ao uso coletivo deve ser regularizada junto ao Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais CBMMG. Esta regularização visa garantir à população a segurança mínima contra incêndio e pânico nas edificações.

Noções de primeiros socorros, de como proceder em caso de situações que são propensas (comuns) em um ambiente escolar, como  um sangramento no nariz, uma possível queda, torção ou mesmo pequenas colisões, também foram tratadas e simuladas, no sentido de melhor preparar os brigadistas para atender às crianças e adolescentes com a serenidade e a precisão necessária.

Foram dias de intenso treinamento com simulações que permitirão aos brigadistas serem mais assertivos e proativos no atendimento dos incidentes, bem como no contato com a família e, se necessário, com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e o Seguro Escolar, outra comodidade e facilidade que o Colégio Nossa Senhora da Piedade oferece a seus alunos.

Por lidamos com o bem mais precioso das famílias, quanto mais preparados para atender as necessidades e agir com prontidão nas possíveis eventualidades que possam ocorrer no dia a dia, a formação de vinte brigadistas entre professores e funcionários da instituição indiscutivelmente passa a ser um conforto a mais que o Colégio Nossa Senhora da Piedade oportuniza às famílias.

 

    Uma escola da 

 

 

 

Herança cultural: Hábitos, costumes e identidade

postado em: Publicações | 0

Conhecer um pouco da história, da cultura, dos costumes e também das crenças que culminaram no que culturalmente somos e herdamos, desde as manifestações artísticas, as músicas, comidas típicas, brincadeiras, simpatias, costumes e lendas que são transmitidas de geração em geração expressando a tradição e o conhecimento de um povo, comumente conhecido como Folclore é o que será apresentado nesta mostra, no intuito de preservar e perpetuar esta herança cultural que não pode cair no esquecimento e que também é muito importante para compreendermos grande parte do jeito de ser e de viver de um povo.

Comemorado no dia 22 de agosto, o Folclore Brasileiro é riquíssimo e cada região expressa suas manifestações, costumes e festas populares, passando-as através das gerações, de modo a não apenas perpetuar a questão histórica, bem como permitir conhecer alguns costumes, comemorações, como é o exemplo da dança da quadrilha, carimbó, bumba-meu-boi. Pode-se citar também brincadeiras infantis temos a amarelinha, as cinco Marias, barra manteiga, cabra cega, passa anel, carniça, pau-de-sebo, além de várias outras, unindo e permitindo estabelecer elos de ontem e os de hoje.

Como já mencionado, várias coisas podem ser de origem folclórica, assim sendo músicas, brincadeiras, remédios caseiros, adivinhações, histórias e personagens, como Saci-Pererê, Negrinho do Pastoreio, Iara (mãe d’água), Mula-sem-Cabeça, Lobisomem, Curupira e Boi-Tatá, etc, que foram trazidos até os dias atuais e respondem pelo conjunto de hábitos e crendices de um povo.

Após realizarem uma gama de atividades e pesquisas relacionadas ao tema, os alunos do 1º ao 5º anos prepararam um momento muito especial para comemorar esta importante data. Desta forma aconteceram várias apresentações e seu registro será disponibilizado abaixo:

1ª apresentação: realizada pelos alunos dos quartos anos  –  MÚSICA  – BANDEIRA DO DIVINO: Manifestação religiosa.

A Festa do Divino ou do Divino Espírito Santo, foi trazida ao Brasil já em 1500. Aqui como em Portugal, ela é comemorada, no dia de Pentecostes, realizado, 50 dias após a Páscoa. Seria na tradição cristã e católica, o momento em que o filho vai aos braços do pai, e ambos se consagram no Espírito Santo, se tornando uno e Deus. Por isto então Divino. Têm um significado de agradecimento e de louvor. Fé e vida.

 

2ª apresentação: MÚSICA – ESCRAVOS DE JÓ – alunos do terceiro ano.

Trabalhando o ritmo e a coordenação motora, guiados pelas professoras e pelo professor José Leonardo, usando bambolês e o próprio corpo, os alunos dos terceiros anos brincaram ao som da música supracitada.

 

 

3ª apresentação: BRINCADEIRA CANTADA  – A LINDA ROSA JUVENIL 

As brincadeiras de roda e canções, sempre são muito bem aceitas pelas crianças e abrem um leque de possibilidades que permitem explorar uma variedade enorme de assuntos, como o mundo dos contos de fadas e seus personagens, das cores, das plantas, dentre outros. E foi assim que os alunos do primeiro ano, brincaram e repassaram uma importante manifestação artística.

 

4ª apresentação:  LENDA DO SACI PERERÊ –  dança dos alunos dos segundos anos das professoras Leydiane e Vânia.

Muito difundida no Brasil, a lenda do Saci Pererê, apresenta um menino travesso, de cor negra, que possui apenas uma perna, usa uma carapuça ou gorro vermelho na cabeça e fica o tempo todo fumando cachimbo.
Dentre suas travessuras, o gosto por dar nó nas crinas dos cavalos, sua capacidade de aparecer e desaparecer misteriosamente e toda vez que aprontava suas travessuras, ele dava agudas e alegres risadas.

5ª apresentação:  HISTÓRIA DO BUMBA MEU BOI – alunos dos quintos anos das professoras Aline e Cláudia.

A história do Bumba Meu Boi foi inspirada na lenda da mãe Catirina e do pai (Chico).

Nessa versão, são um casal de negros trabalhadores de uma fazenda. Quando mãe Catirina fica grávida, ela tem desejo de comer a língua de um boi. Empenhado em satisfazer a vontade, o desejo da amada, pai Chico quase mata um dos bois preferidos pelo fazendeiro que, ao notar a falta do animal, coloca todos em busca do seu paradeiro.

Ao ser encontrado quase sem vida, o animal se recupera com a ajuda de um Pajé. Esta lenda nordestina está associada ao conceito de milagre do catolicismo ao trazer de volta o animal. A festa do bumba meu boi é celebrada para comemorar esse milagre.

 

    Uma escola da 

 

Comunidades em festa! Congregação comemora 127 anos de fundação!

postado em: Publicações | 0

 

 

Há 127 anos, exatamente aos 28 de agosto, germinava, em Caeté/MG, a semente plantada por Monsenhor Domingos Evangelista Pinheiro. Após anos de dedicação acolhendo as filhas de escravos, finalmente nascia, em 28 de agosto de 1892, a Congregação das Irmãs Auxiliares de Nossa Senhora da Piedade. Até hoje, congregadas como irmãs, as religiosas da CIANSP protagonizam obras de educação, caridade, missões e, acima de tudo, obras de cuidado e acolhida ao outro.

Em comemoração a tão importante data, homenagens foram prestadas às Irmãs da comunidade de Congonhas, extensivas às demais irmãs nas diferentes obras a que se dedicam e levando adiante o sonho do fundador.

 

 

Neste sentido, no turno da manhã uma banca de trabalhos e de homenagens dos alunos demonstraram todo o carinho para com a Congregação, o fundador e às Irmãs.

 

No turno da tarde, a Educação Infantil também prestou sua homenagem. Além da exposição de vários trabalhinhos alusivos à data, os alunos aprenderam um pouco mais sobre a história do fundador e também prestaram homenagens às irmãs.

No segmento júnior, os alunos do 1º ao 5º anos prepararam diferentes homenagens às Irmas, sempre com o pensamento e carinho voltado não somente às irmãs da comunidade de Congonhas, mas a todas aquelas das quais já tiveram a oportunidade de conhecer e também às demais que residem em outras cidades e estão a frente dos outros colégios, asilos e demais obras que abraçam com fé e muito amor.

Dentre as várias homenagens, queremos ressaltar o trabalho dos alunos do 3º ano do Ensino Fundamental da professora Gilvânia Coimbra que, mediante os estudos sobre a história do fundador e do trabalho das Irmãs, usaram a criatividade para compor uma linda música homenageando toda a Congregação. Assista!

Música composta em homenagem às Irmãs

Vejam mais fotos:

    Uma escola da 

O Plepi Kids está de volta!

postado em: Publicações | 0

Desde a última publicação do PLEPi – Projeto de Leitura e Escrita do Piedade, aconteceram várias apresentações. Nesta mostra serão disponibilizadas as apresentações que aconteceram próximas ao recesso escolar e também as que ocorreram pós-recesso escolar, que já demonstram os alunos do segmento Kids, bem mais seguros, criativos e familiarizados com a proposta.

Maternal II – Professora Adriana

  Com a ajuda do papai, da mamãe e de sua irmã, Alana contou a história: A pequena sereia. Com a mamãe, Lídia contou a história da Princesa e o sapo.

Maternal II – Professora Helenice

    O aluno Heitor, acompanhado por sua mãe e por seu irmão, alegraram a turma com a história do Pinóquio e do seu narigão.

 

Maternal III – Professora Kelly

   Maria Laura, apresentou Cachinhos Dourados e contou com a presença da mamãe para acompanhá-la. O aluno Miguel, contou a história do Patinho Feio, acompanhado pela mamãe,  pelo papai e irmãozinho Antônio.

Maternal III – Professora Rosângela

    Heitor contando a história de João e Maria junto com a mamãe Franciane.
Helena, contou a história da Branca de Neve e os sete anões acompanhada por sua mamãe.

 

1º Período – professora Andréa Mansuêtto

    A turminha nem piscava ao ouvir Guilherme contar Brincadeiras no oceano
e o aluno Luís Felipe encantou ao contar a história: Os três porquinhos.

1º Período – professora Janaína

    João Pedro Epifânio prendeu a atenção ao contar a história: O gato de botas
Lara Maria, compartilhou a história: Alice no País das Maravilhas.

 

2º Período – professora Carla

Davi Martins aguçou a curiosidades de todos ao contar a história dos 101 Dálmatas e o aluno Heitor encontou contando Toy Story para os colegas.

2º Período – professora Wanessa

    A aluna Beatriz Marcossi, contou a história: O Patinho Feio para os colegas. Letícia contou a história da Branca de Neve e emocionou os colegas.

 

Outras histórias serão compartilhadas com os colegas e posteriormente as disponibilizaremos no intuito de, não somente deixar o momento registrado, mas também visando  permitir às famílias acompanhar o quanto seus pequenos estão se desenvolvendo, vencendo os desafios e consolidando aprendizados. Não percam!!!

 

Outras matérias:

E o PLEPI Kids continua! Um verdadeiro encanto!

PLEPi Kids: estimula hábito de leitura

Plepi Kids: as aventuras continuam…

Interações, aventuras e recontos no PLEPi Kids

Primeiras atividades do PLEPi Kids encantam a todos

Com um convite para uma inesquecível viagem: O PLEPi Kids está de volta!

 

 

    Uma escola da 


 

 

Esporte e lazer melhoram o desenvolvimento cognitivo e intelectual

postado em: Publicações | 0

A prática de esportes aliada a momentos de lazer junto às famílias contribue para a formação de alunos mais seguros, cientes do que querem e com melhor desempenho cognitivo e intelectual. Neste sentido, é com alegria que recebemos os alunos medalhistas pela participação da modalidade Mirim na etapa final da Copa Internacional Michelin de Mountain Bike (CIMTB), que reuniu os principais atletas de  mountain bike do Brasil, no evento que aconteceu no período de 16 a 18 de agosto de 2019, em Congonhas/MG e contou com mais de 700 atletas inscritos para os 42 km de prova.

No dia 18, a Copa Mirim, agraciou alguns alunos deste educandário que, orgulhosos fizeram questão de trazer suas medalhas para tirar uma foto junto à Ir. Ribamar (diretora) e intensificar a alegria da conquista, compartilhando com os colegas a experiência vivida.

“Perceber o orgulho e a alegria dos alunos ao trazerem suas medalhas para compartilhar com os colegas e com toda a comunidade escolar a satisfação da conquista, é algo que precisa ser propagado, afirma Ir. Ribamar, afinal este espírito competitivo intensificado à pratica de esportes e ao lazer junto à família, são fatores que acabam influenciando para o bom desempenho dos alunos no contexto escolar”.

É com esta certeza que Ir. Ribamar está nos preparativos finais para junto à sua delegação, participar dos Jogos Estudantis da CIANSP – Congregação das Irmãs Auxiliares de Nossa Senhora da Piedade, que acontecerá nos dias 11 a 15 de outubro no Rio de Janeiro.

Os Jogos Estudantis da CIANSP são uma iniciativa da Rede Piedade de Educação no intuito de oportunizar um grande encontro entre os alunos dos diversos Colégios situados nos diferentes estados do Brasil e acontece de dois em dois anos intercalando as cidades-sede das competições.

    Uma escola da 


 

 

 

 

Compartilhando aprendizados…

postado em: Publicações | 0

São inúmeras as atividades desenvolvidas pelos alunos ao longo do semestre. Nesta mostra serão disponibilizadas algumas atividades realizadas com os alunos dos 5ºs anos das professoras Aline e Cláudia, durante o primeiro semestre, no intuito de oportunizar um maior contato dos alunos com os diferentes objetos de conhecimento e permitindo aos mesmos, compartilhar um pouco do muito que aprenderam.

Atendendo às expectativas de conhecer todo o processo não apenas do gênero textual, bem como do caminho percorrido desde a postagem pelo remetente e dos meios necessários para garantir que a correspondência chegue a seu destinatário/destino, após todo o estudo e a elaboração de uma carta, os alunos se dirigiram ao Correio central para postar as cartas elaboradas por eles.

Na oportunidade, como alunos da série final do Fundamental I, escreveram cartas para os alunos do primeiro ano do Ensino Fundamental, com o intuito de transmitir aos colegas recém-chegados ao segmento, a importância da leitura.

Postando Cartas

Flickr Album Gallery Powered By: Weblizar

Paralelamente, foi trabalhado outras formas de envio e recebimento de correspondências através do uso da tecnologia e de suas ferramentas que dinamizam o tempo e oportunizam escolher entre os meios físico e virtual para o despacho de correspondências, encomendas, compras. Aulas no Laboratório de Informática permitiram aos alunos enviar email`s entre si e para as professoras que, depois da experiência e de outros recursos apreendidos, passaram a ter condições de enviar alguns trabalhos solicitados, diretamente para o contato de suas respectivas professoras.

As atividades do PLEPi também foram registradas e serão compartilhadas nesta mostra. Uma gama de diferentes propostas foram oportunizadas às turmas, de modo a não somente despertar o gosto pela leitura, mas oportunizar ainda, que os alunos simultaneamente desenvolvam suas habilidades de compartilhar as aventuras vividas durante a leitura.

Caracterização dos personagens principais, proposta de se tornar um engenheiro e recriar com massinhas de modelar a cidade retratada no livro lido e inúmeras outras atividades que foram além do registro escrito, permitiram um grande desenvolvimento dos alunos, nas diversas atividades propostas que, após serem registradas aqui serão compartilhadas, assim como foram nos stands disponibilizados para que eles expusessem seus trabalhos, aos alunos das outras turmas do Colégio.

Plepi – 5º Ano IMS

Flickr Album Gallery Powered By: Weblizar

Plepi – 5º Ano ILR

Flickr Album Gallery Powered By: Weblizar

Exposição Dos Trabalhos Aos Demais Alunos

Flickr Album Gallery Powered By: Weblizar

A experiência vivida pelos alunos no Laboratório de Ciências do Colégio, quando tiveram a oportunidade de estudar e observar a estrutura do coração de uma ave (galinha), também será compartilhada nesta mostra.

Após estudar que as aves são animais que apresentam respiração pulmonar, circulação dupla e completaos estudantes tiveram a oportunidade de passar por esta experiência de natureza científica, permitindo uma melhor compreensão do processo, de modo a ir além das formulações do senso comum. Nada como aprender com a prática!

Praticando Ciências

Flickr Album Gallery Powered By: Weblizar

Sou + Piedade!

Quantas abordagens…

postado em: Publicações | 0

Dentro da unidade “As moradias e suas histórias”, contemplada nas disciplinas de Geografia e História, os alunos dos terceiros anos das professoras Adriana e Gilvânia tiveram a oportunidade de realizar uma verdadeira viagem no tempo.

Inicialmente foram convidados a observar os tipos de moradia presentes no circuito que realizam diariamente da casa até a escola e também em outros bairros e locais dos quais frequentam com os pais. Com este olhar, a partir da observação deste espaço de vivência e de convivência que oferece conforto e segurança, compartilhado com os familiares e amigos, os alunos tiveram a oportunidade de trabalhar uma grande diversidade de conteúdos:

  • perceberam que as construções não são iguais;
  • algumas estão localizadas em áreas não muito apropriadas, sem saneamento básico;
  • outras oferecem melhores condições de habitação.

Os pontos destacados permitiram que uma gama de conteúdos fossem trabalhados e discutidos com os alunos.

Passadas as observações e ponderações iniciais, os alunos estudaram os diferentes tipos de moradia: casas populares, edifícios residenciais, casa de alvenaria, palafita, barraco, casa com influência de outros países, oca, moradia ecológica, traçando um paralelo com as moradias do presente e do passado, numa oportunidade de perceber a evolução nos tipos de construção.

Tiveram ainda condições de refletir sobre a desigualdade nos tipos observados, que acaba retratando questões sociais e culturais, o que os levou a conhecer e debater direitos previstos na Constituição Federal de 1988, que menciona o direito a moradia digna com saneamento básico, com acesso à educação, à saúde e à segurança a todo brasileiro.

Fechadas todas as questões, os alunos foram convidados a  confeccionar maquetes com materiais recicláveis e reutilizáveis, retratando os diferentes tipos de moradia estudados, numa oportunidade de condensar e assimilar o que aprenderam.

Vejam fotos da exposição realizada com as maquetes, quando os alunos tiveram ainda a oportunidade de compartilhar o aprendizado com alunos das outras séries do mesmo segmento.

Maquetes: Tipos De Moradias

Flickr Album Gallery Powered By: Weblizar

 

 

 

 

 

1 2 3 4 103